O cozinheiro de bits

Print

Microsoft lidera mercado de webservers

Written by Helio Loureiro on .

Como descrito e previsto anteriormente em "o último dos apaches", o servidor web IIS da Microsoft tornou-se o líder de mercado, de acordo com medições da Netcraft.

Netcraft's July 2014 Web Server Survey

Com isso chegamos ao fim de uma era de dominação do software livre.  Claro que se somarmos as quantidades de servidores Apache e Nginx, teremos uma quantidade maior de servidores de software livre.  Mas então teríamos de somar o IIS com os outros servidores proprietários, como Sun e NCSA.

Em números, a virada se deve à queda do uso do Apache, além do crescimento do IIS.

Em termos de sites realmente ativos, o Apache ainda continua líder, o que mostra uma certa "inflada" nesse número de servidores IIS.

Ainda de acordo com a Netcraft, essa inflada do IIS nos últimos tempos se deve aos sites chineses, principalmente os de compras, que apesar de serem chineses, estão hospedados em servidores americanos.  Imagino que seja por conta dos serviços de cloud disponíveis por lá.

Fui verificar se meu querido site DealExtreme está entre os chineses que adotaram Microsoft, mas pude ver pelo Netcraft que ele está firme e forte com Linux.

DealExtreme web server survey

Então posso continuar com minhas compras e com consciência tranquila.

Já outro dado que vi na Internet, e que aliás me faz lembrar de olhar o Netcraft, mostra que o uso de cloud Microsoft aumentou muito no último ano.  Então esse efeito "inflado" de aumento de servidores, mas não ativos, deve ser com certeza o Azure.  

Seria isso um reflexo da melhor qualidade do IIS?  Acho que não.  Apache sempre liderou com folga esse espaço.  Seria então por ser gratuito?  Nesse quesito, o Amazon AWS também é por 1 ano.  Então não acho que seja um espaço de "servidores de experimentação", de quem está aprendendo, mas de coisa profissional, de site de e-commerce mesmo, como é dito pela Netcraft.  Mas qual o motivo de escolherem IIS?  Eu acho que é falta de conhecimento aliada com forte propaganda da Microsoft - e cursos - de Azure e .Net.  Muitas pessoas saem das universidades sabendo isso, e nem mesmo olham pra outra coisa.  Azure e .Net de hoje é o VB e Delphi de 15 anos atrás.  A diferença é que estão entrando numa área que era dominada pela qualidade do software livre, mas que agora será tomada pela quantidade de uso.  Assim foi com o navegador Internet Explorer 6.  Riscos?  Teremos novamente padrões web ditados pela Microsoft.

2014 será marcado como o ano de grandes perdas.  Falecimentos de grandes personagens da história, como o autores Ariano Suassuna e João Ubaldo, e morte da presença do software livre na web.  E da web livre.

Estamos em risco.

Print

Papo de buteco 4x01

Written by Helio Loureiro on .

Ontem, ou melhor, hoje de madrugada tive a oportunidade de participar de mais um "papo de buteco", promovido pelo Tiago Hillebrandt.  Fazia um certo tempo que não acontecia o mesmo, mas finalmente está de volta.

Como sempre, papos aleatórios sobre software livre e tecnologia. 

Como foi o primeiro desse ano, acho que estamos meio "destreinados" nos assuntos e acabamos falando pouco da pauta que tínhamos.  O lado bom é que sobrou assunto pro próximo papo de buteco.

Cheers!

Print

Back online

Written by Helio Loureiro on .

Acho que ninguém percebeu, mas passei esses dias fora do ar.  O site continuou em pé, mas simplesmente não conseguia fazer login.

Tentei tudo quanto é maracutaia no Joomla pra tentar conectar.  Até descobri que dá pra criar uma senha nova direto no MySQL fazendo assim:

mysql> select username, password from j25_users where username = 'admin';
+----------+----------------------------------+
| username | password                         |
+----------+----------------------------------+
| admin    | 19a7a089e82e86fab221af066b524ce1 |
+----------+----------------------------------+
1 row in set (0.00 sec)

mysql> update j25_users set password = MD5("pastel de flango flito") where username = "admin";
Query OK, 1 row affected (0.08 sec)
Rows matched: 1  Changed: 1  Warnings: 0

mysql> select username, password from j25_users where username = 'admin';
+----------+----------------------------------+
| username | password                         |
+----------+----------------------------------+
| admin    | 42510c674bf98493cc5647ac6e573740 |
+----------+----------------------------------+
1 row in set (0.00 sec)

 Mas não consegui conectar.  Vi que tem muita gente reclamando do mesmo problema nos fórums do Joomla, mas nenhuma das soluções funcionou pra mim.  No fim tive de restaurar um backup, que aliás pretendo escrever logo sobre, pois é algo de extraordinário de tão fácil.

Sobre a falha... bom, coisas de Joomla.  Devo mudar de plataforma de CMS?  Como parece que foi algo isolado, e aconteceu junto com o meu péssimo hábito de mexer nas configurações do site sem fazer backup, o erro foi mais meu que do Joomla.  Então deve permanecer por aqui, pra desgosto dos amigos que gostam do Plone.

Print

Casa nova

Written by Helio Loureiro on .

Pra quem pensou que estou falando de mim, pessoalmente, se enganou.  Foi esse servidor aqui que mudou, onde está o site.  Por isso um pouco de instabilidade esses dias, por culpa dos caches de DNS.

Estava usando uma hospedagem __friendly__ de um amigo, mas a mesma tinha algumas limitações.  Claro que tinha muitas vantagens, que agora terei de cuidar pessoalmente, mas os benefícios da migração fazem a diferença:

  • IPv6
  • https (tá, o certificado é meu, e sem CA, mas tem criptografia)
  • DNS com registro.br (achei melhor manter lá)
  • Meu servidor de mail, com postfix e spf
  • Melhor controle dos logs do apache
  • Acesso via ssh/scp

Recomendo a todos a fazerem o mesmo?  Talvez não.  Dá trabalho.  Eu nem olhava pra backup, ou proteção contra ataques DDoS.  Agora tenho de cuidar disso.  E desempenho.  O servidor VPS onde estou hospedado agora tem menos performance e limitação de memória, CPU e banda, mas os acessos também não são lá tão altos assim.  Acho que é uma troca que vale a pena.

Perco desempenho e comodidade, mas fico mais seguro e sem monitoração da NSA.

Print

Fim da LinuxMall?

Written by Helio Loureiro on .

Nem só de discussões de licença, flamewares, releases de kernel e ativistas sapatênis vive o mundo do software livre.  Às vezes é envolto de mistério também.  Um dos enigmas recentes foi o sumiço da LinuxMall, loja virtual de produtos relacionados com o mundo de software livre e computação em geral.  Era a nossa thinkgeek brazuca.

Uma reclamação de falta de entrega aqui, outra ali, e de repente, o site ficou fora do ar.  Nenhuma explicação, nenhum comentário.  Nada.

Seus últimos posts são de 6 de dezembro de 2013 em sua página no Facebook, e 3 de julho de 2013 no Twitter.  Tentei o contato no telefone e... nada: número chamado não existe.  Possivelmente desativado.  

A LinuxMall, ou seu perfil, era uma figura bastante ativa no meio digital.  Sempre respondendo no twitter, pedindo likes no facebook, e compartilhando fotos no flicker.

O que aconteceu?

Como não existe nenhuma notícia ou comentário, eu acho (então é pura suposição minha) que era um empreendimento de um dono só.  Esse dono deve estar passando por algum problema, talvez doença, que não o possibilite voltar aos negócios. Se não foi algo pior, como um falecimento.

Sempre comprei na LinuxMall, de adesivos a canecas e camisetas.  É realmente uma pena que tenha acontecido algo e simplesmente tenha desaparecido.  Deixa um buraco numa comunidade sedenta por produtos com logotipos do pinguim ou do capetinha.  Perdemos um parceiro na nossa identidade geek.

Ao dono, ou donos, desejo melhoras e que um dia possam voltar aos negócios.

 

Print

Fotos do FISL 15

Written by Helio Loureiro on .

Como todos os anos, esse foi mais um que consegui participar do FISL. Foi uma edição bem atípica por conta da copa do mundo, fazendo com que a data do evento mudasse de julho pra maio.

O resultado disso foi um FISL com menor participação de estudantes e professores, com área menor para palestras, e poucos estandes.

Alguns gigantes do mundo do software livre marcaram presença, como RedHat e Suse, mas outras não apareceram, como Intel e a própria Globo.com. Não que seja algum tipo de boicote, mas muitos eventos foram antecipados por conta da copa, causando esse tipo de efeito.

Mas falando mais do FISL, foi novamente um evento muito legal, onde pude encontrar amigos antigos e fazer novos. E sempre falando do mesmo assunto. E encontrar outros amigos virtuais, com quem só falava via Internet (em geral Facebook, mas só o Anahuac sofre com isso).

Agora resta saber se conseguirei participar no ano que vem.

Print

Baixando os vídeos do FISL15 com python

Written by Helio Loureiro on .

Como sempre acontece, foram publicados os vídeos do FISL15.  Eu, como bom nerd, baixei todos eles usando wget.

wget -nH -np -r --mirror http://hemingway.softwarelivre.org/fisl15/high/

Eu comecei baixando sem a opção "--mirror", mas como são 18 GB de vídeos, não consegui terminar no mesmo dia.  E pra não sobrescrever, acabei usando esse parâmetro pra baixar somente os vídeos faltantes ou que estavam pela metade.

No fim acabei com um diretório com vídeos como esses:

sala40t-high-201405071002.ogv
sala40t-high-201405071059.ogv
sala40t-high-201405071200.ogv
sala40t-high-201405071309.ogv
sala40t-high-201405071400.ogv
sala40t-high-201405071505.ogv
sala40t-high-201405071559.ogv
sala40t-high-201405071704.ogv
sala40t-high-201405081002.ogv
sala40t-high-201405081059.ogv
sala40t-high-201405081201.ogv
sala40t-high-201405081302.ogv

E agora?  Quem é quem?  Olhar um por um na grade palestras do FISL15?

Então novamente usei python pra salvar o dia.  É um código bem simples que faz análise do HTML das grades, por dia, e cria um link do arquivo em outro diretório, TODOS, com formato "Título - Autor.ogv". Pra facilitar.

#! /usr/bin/python
# -*- coding: utf-8 -*-

"""
System to get titles and authors from FISL15 presentations,
and match them to video files, already downloaded.

To download all videos (18 GB): 
    wget -nH -np -r --mirror http://hemingway.softwarelivre.org/fisl15/high/

Presentations grid:
    http://papers.softwarelivre.org/papers_ng/public/new_grid?day=9
    
LICENSE:
    "THE BEER-WARE LICENSE" (Revision 42):
    Helio Loureiro wrote this file. As long as you retain this notice you
    can do whatever you want with this stuff. If we meet some day, and you think
    this stuff is worth it, you can buy me a beer in return.
    Helio Loureiro"

    This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
 
"""
from BeautifulSoup import BeautifulSoup
import urllib2
import re
import os
import sys

URL="http://papers.softwarelivre.org/papers_ng/public/new_grid?day="
DAYS = [7, 8, 9, 10]
# My directory to find videos.  Probably you need to fix it.
TARGETDIR = "%s/Videos/FISL15" % os.environ.get('HOME')

if not os.path.exists(TARGETDIR + "/TODOS"):
    os.mkdir(TARGETDIR + "/TODOS")
    
for day in DAYS:
    page = urllib2.urlopen("%s%d" %(URL, day))
    soup = BeautifulSoup(page.read())

    for html  in soup.findAll('div', "slot-list"):
        for d in html.findAll('div'):
            a = d.find('div', "author")
            t = d.find('div', "title")
            l = d.find('a')
            
            # if empty info, move on
            if not a or not t or not l:
                continue
            
            # wordlist clean up
            author = re.sub("\n", "", a.string)
            author = re.sub("  ","", author)
            title = re.sub("\n", "", t.string)
            title = re.sub("  ", "", title)
            title = re.sub("/", "", title) #avoiding directory issues
            link = l.get('href')
            
            # since wget kept the directory structure, it is easy
            dirvideo = re.sub("http://hemingway.softwarelivre.org", TARGETDIR, link)
            
            # is the video over there?  
            status = False
            if os.path.exists(dirvideo):
                status = True
            # False here could trigger urllib2 to download video

            print author, ",",
            print title, ",", 
            print link, ",",
            print status
    
            if status:
                videoname = "%s/TODOS/%s - %s.ogv" % (TARGETDIR, title, author)
                if os.path.exists(videoname):
                    continue
                try:
                    os.link(dirvideo, videoname)
                except:
                    # Added this because titles w/ strings "/" where causing issues,
                    # so I had to check.  GNU/Linux was the problem (Stallman's fault).
                    print "Failed to link %s to %s" % (dirvideo, videoname)
                    sys.exit(1)
                print "Created: %s" % videoname
                

Em algum momento eu devo publicar o mesmo no GitHub.  Sob a BWL.

Atualização:

Publiquei o código aqui: https://github.com/helioloureiro/FISL15_video_downloader-

Tá! Eu sei que tem um tracinho a mais ali no final do link, mas eu fiz errado e agora fica assim mesmo.

Print

Brasil: a terra em que malandro é malandro, mané é mané

Written by Helio Loureiro on .

Já dizia Bezerra da Silva: malandro é malandro, mané é mané.

Na Internet não seria diferente.  Eis que chega em casa um boleto de cobrança de um domínio *parecido* com um que administro.  Achei um pouco estranho, pois em geral recebo notificação por mail, e do registro.br.  Claro que é mais um empresário brasileiro tentando dar uma de malandro.

 

A empresa RegistraCom envia um boleto, com um domínio parecido com o seu existente, com os dados da empresa em que foi registrado (e que nunca divulguei) tentando ganhar um registro .com do seu domínio.

O texto dentro do boleto diz o seguinte (os negritos vêm do boleto):

Notificação de registro do domínio: helioloureiro.com
Segue abaixo informações do Registro de domínio, por favor leia com atenção:
Domínio: helioloureiro.com
Titularidade: Empresa LTDA
Cnpj/Cpf: 00001110000000
Conforme nosso contato para atualização dos dados cadastrais, nossa área técnica identificou que o domínio helioloureiro.com (sob extensão .COM) encontra-se liberado para registro. Esta liberação pode ocorrer quando o pagamento não é realizado dentro do prazo, por disponibilidade efetiva de registro ou desinteresse na renovação.
Como indentificamos que Empresa LTDA já possui o mesmo nome helioloureiro.com.br (sob extensão .com.br), é importante que registre imediatamente o domínio (sob extensão .COM) evitando que um terceiro venha registrá-lo.
O valor do registro é de R$ 60,00 por um período de 1 ano.
Após identificarmos o seu pagamento o registro será realizado em um prazo máximo de até 48hs, incluindo a configuração de redirecionamento, ou seja, quando acessado helioloureiro.com o visitante será redirecionado para o site helioloureiro.com.br
Caso não haja interesse, o domínio helioloureiro.com continuará disponível e o mesmo poderá ser registrado por um terceiro a qualquer momento.

Se lido atentamente, é informado que o boleto é um "registro" do seu domínio .COM.  Claro que a intenção é isentar de qualquer acusação, afinal, foi informado o que era.  Mas é nítida a tentativa de golpe, tentando se passar por um registro de domínio legítimo.

Provavelmente quem registra seus próprios domínios, como eu, não cai nesse golpe.  Mas e empresas médias e grandes?  Em geral quem recebe tais boletos é o pessoal de controladoria/contabilidade.  Alguém duvida que o contador da empresa vai perceber essa sutil diferença?  Ou vai apenas pagar o valor, 60 reais, que é irrisório pra uma empresa média pra cima, e nem perceber quando o boleto verdadeiro chegar, e pagar novamente?  Então é claro que o boleto é golpe.

A empresa "RegistraCom", que aparece no whois como pertencente à empresa "WebVisão", ambos registrados pela mesma pessoa, já tem queixas no reclamar.  A resposta, claro, é a mais cara de pau possível.

http://www.reclameaqui.com.br/8647640/registra-com/registracom-tenta-enganar-usuarios-editado-pelo-reclame-aqui/

Esse tipo de golpe já apareceu outras vezes na lista do GTER, da empresa RegistraBrasil.  Mas como aqui é Brasil, terra da malandragem, eis que aparece outro gênio pra arrasar com os manés.

E depois reclamamos dos políticos.  Esses são realmente apenas um reflexo de seu povo.

E esse é o sistema de geração de boleto do registro.br.  Sem fraudes.

Premium Free Joomla Templates by MightyJoomla | Design Inspiration NewWPThemes