Gandalf

Categoria: Blog Publicado: Sábado, 02 Outubro 2021 Escrito por Helio Loureiro

Se chegou aqui, muito provavelmente clicou no meu perfil no Telegram.

Bem, esse sou eu.  Ou a alcunha que ganhei.

Tudo começou com o grupo do Valhacken, onde Ricardo Highlander explica por ele mesmo a cerimônia:

Eu concedo/formalizo/autentico/whatever títulos nesse grupo. O @SamuelKlein Heimdall foi o primeiro titulado (diante de seu excelente trabalho aqui, perguntei se ele preferia "Porteiro", "São Pedro" ou o óbvio "Heimdall"). Desde então, mais alguns tiveram essa honra.

Há três tipos de titulados. Os mais nobres, com lugar de destaque à mesa, ostentam seus títulos no nome do Telegram (além do próprio Heimdall, temos, por exemplo, o @ofmeansandends Lorde Kumamon, o @EuSouODan KDEboy, o @samuelramox Heinbranch e o @HelioLoureiro Gandalf); outros, sentados mais para o fundo, que só assumem o título aqui; e outros, em pé, que estão cagando para o título.

O título, em si, normalmente se baseia em seus feitos aqui no grupo, mas já concedi títulos baseados em assuntos do momento, em stickers usados e até por escolha do candidato a nobre. O título é seu para fazer o que quiser, mas você pode perdê-lo por desonra (é genérico, mas aviso se a bunda estiver encostando na garrafa) ou pode ser usurpado se outra pessoa se mostrar mais merecedor que você (o @magnunleno Kowalski, que recebeu o título por direito de nascença, perdeu o título de Kowalski para o @eduardoklosowski, por aclamação popular - mas este último não se mostrou digno de ostentar uns dos mais importantes títulos dessas Terra Digitais e mostrou que, talvez, haja uma maldição atrelada a esta alcunha).

Há uma breve, singela, mas poderosa e tradicional cerimônia de iniciação.

Entende a responsabilidade?

Então aconteceu que num belo dia, estava eu lá e...

E assim fui sagrado com a alcunha de Gandalf e assim sigo, protetor do reinado e guardião das muralhas do norte, onde o frio é eterno mas a cerveja é boa.  Por Valhacken!

via GIPHY

via GIPHY

 

 

Latinoware 2021

Categoria: Blog Publicado: Sábado, 21 Agosto 2021 Escrito por Helio Loureiro

Recebi essa semana um convite inusitado pra participar da Latinoware 2021.   Conheço a Latinoware desde as épocas do FISL mas nunca participei ativamente.

Por quê não?  Nos meus tempos de software livre no Brasil eu sempre tentei priorizar ao menos 1 viagem anual pra participar de eventos, que era dedicada ao FISL.   Não que eu não pudesse participar de mais, mas eu não tinha cacife pra bancar mais do que uma viagem por ano em termos de custo financeiro e distância da família, e ainda conseguia negociar na empresa como sendo tempo de treinamento.  Então era difícil participar de outro evento e acabava escolhendo o FISL.   Outra coisa que me motivava mais em ir ao FISL era que o evento era gravado.  Então apesar das muitas trilhas de palestras simultaneamente boas (e que às vezes acabava com sala cheia e não tinha como entrar), eu sempre podia recorrer posteriormente aos videos pra assistir o que tinha sido perdido.  E isso não tinha em outros eventos.

Mas o tempo passou e as coisas mudaram.  O FISL foi definhando ao ponto de praticamente estar morto hoje em dia.  O grupo do evento ainda existe no telegram, mas já faz anos que o evento não acontece.   Já o Latinoware só cresceu.  Ocupou completamente o espaço de evento de software livre que era ocupado pelo FISL.  E por causa da pandemia, assim como a maioria dos eventos, passou a ser online.

Então ano passado eu pude participar do Latinoware 2020 já remotamente.  Como participante, claro.

E esse ano recebi o célebre convite pra participar mais ativamente.  Não apenas uma honra como também não sei nem se tenho roupa pra participar.  Ainda bem que será online e poderei estar de pijamas :D

O evento acontecerá em outubro nos dias 13, 14 e 15.

E terá a presença ilustre de outras caras do software livre no Brasil:

  • Aiman Amin
  • Alessandro Silva
  • Alexandre Casemonstro
  • Ananias Filho
  • Andre Noel
  • Cid Vianna
  • Cláudio Roberto Marquetto Mauricio
  • Daniel Lara
  • Danilo César
  • Davis Victor
  • Deivi Kuhn
  • Douglas Esteves
  • Eduardo Urcullú
  • Eliane Domingos de Souza
  • Elias de Carvalho Silveira
  • Eloir Rockenbach
  • Everaldo Souza
  • Fabrício Massula
  • fabs balvedi
  • Felipe Do E. Santo
  • Frederico Siena
  • Glauber Pires
  • Guilherme S. Zulian
  • Heitor Faria
  • Henderson Matsuura Sanches
  • Hernan Fleitas
  • João Sebastião de Oliveira Bueno
  • Juliano Sene
  • Leonardo Vaz
  • Luciano Lourenço Silva
  • Marcos Antonio Teixeira Junior
  • Marcos Codas
  • Matias Insaurralde
  • Maurício Barfknecht
  • Naoki Shinya
  • Olivier Hallot
  • Osmar Quiñonez
  • Pedro Minatel
  • Rafael Sene
  • Raul Leite
  • Rolf Satake Gugisch
  • Silvio Palmíeri
  • Thiago Becker
  • Thiago Luna
  • Thomás Capiotti
  • Walter Escurra
  • Wilson Hachen

Essa é só uma prévia de nomes ainda não confirmada, mas já parece ser um ótimo evento com um time de muita gente boa pra palestrar.  Como mencionou o próprio Marco Siriaco, um time de gente realmente phoda.

No meio de tanta gente boa assim, quem sou eu nessa fila do pão?

Eu ainda não pensei bem no que vou falar então aceito sugestões.  Gostariam que eu fizesse uma palestra sobre algum assunto específico? Pode enviar sugestões ou pro meu e-mail: helio[AT]loureiro.eng.br, ou no twitter @helioloureiro ou no telegram @helioloureiro.