image1 image2 image3 image4 image5 image6 image7 image8 image9 image10

Back online

Autor:
Data de criação:
Data de publicado:
Acessos: 2393

Acho que ninguém percebeu, mas passei esses dias fora do ar.  O site continuou em pé, mas simplesmente não conseguia fazer login.

Tentei tudo quanto é maracutaia no Joomla pra tentar conectar.  Até descobri que dá pra criar uma senha nova direto no MySQL fazendo assim:

mysql> select username, password from j25_users where username = 'admin';
+----------+----------------------------------+
| username | password                         |
+----------+----------------------------------+
| admin    | 19a7a089e82e86fab221af066b524ce1 |
+----------+----------------------------------+
1 row in set (0.00 sec)

mysql> update j25_users set password = MD5("pastel de flango flito") where username = "admin";
Query OK, 1 row affected (0.08 sec)
Rows matched: 1  Changed: 1  Warnings: 0

mysql> select username, password from j25_users where username = 'admin';
+----------+----------------------------------+
| username | password                         |
+----------+----------------------------------+
| admin    | 42510c674bf98493cc5647ac6e573740 |
+----------+----------------------------------+
1 row in set (0.00 sec)

 Mas não consegui conectar.  Vi que tem muita gente reclamando do mesmo problema nos fórums do Joomla, mas nenhuma das soluções funcionou pra mim.  No fim tive de restaurar um backup, que aliás pretendo escrever logo sobre, pois é algo de extraordinário de tão fácil.

Sobre a falha... bom, coisas de Joomla.  Devo mudar de plataforma de CMS?  Como parece que foi algo isolado, e aconteceu junto com o meu péssimo hábito de mexer nas configurações do site sem fazer backup, o erro foi mais meu que do Joomla.  Então deve permanecer por aqui, pra desgosto dos amigos que gostam do Plone.

Casa nova

Autor:
Data de criação:
Data de publicado:
Acessos: 2081

Pra quem pensou que estou falando de mim, pessoalmente, se enganou.  Foi esse servidor aqui que mudou, onde está o site.  Por isso um pouco de instabilidade esses dias, por culpa dos caches de DNS.

Estava usando uma hospedagem __friendly__ de um amigo, mas a mesma tinha algumas limitações.  Claro que tinha muitas vantagens, que agora terei de cuidar pessoalmente, mas os benefícios da migração fazem a diferença:

  • IPv6
  • https (tá, o certificado é meu, e sem CA, mas tem criptografia)
  • DNS com registro.br (achei melhor manter lá)
  • Meu servidor de mail, com postfix e spf
  • Melhor controle dos logs do apache
  • Acesso via ssh/scp

Recomendo a todos a fazerem o mesmo?  Talvez não.  Dá trabalho.  Eu nem olhava pra backup, ou proteção contra ataques DDoS.  Agora tenho de cuidar disso.  E desempenho.  O servidor VPS onde estou hospedado agora tem menos performance e limitação de memória, CPU e banda, mas os acessos também não são lá tão altos assim.  Acho que é uma troca que vale a pena.

Perco desempenho e comodidade, mas fico mais seguro e sem monitoração da NSA.

Data de criação:
Data de publicado:
Acessos: 2293

Como todos os anos, esse foi mais um que consegui participar do FISL. Foi uma edição bem atípica por conta da copa do mundo, fazendo com que a data do evento mudasse de julho pra maio.

O resultado disso foi um FISL com menor participação de estudantes e professores, com área menor para palestras, e poucos estandes.

Alguns gigantes do mundo do software livre marcaram presença, como RedHat e Suse, mas outras não apareceram, como Intel e a própria Globo.com. Não que seja algum tipo de boicote, mas muitos eventos foram antecipados por conta da copa, causando esse tipo de efeito.

Mas falando mais do FISL, foi novamente um evento muito legal, onde pude encontrar amigos antigos e fazer novos. E sempre falando do mesmo assunto. E encontrar outros amigos virtuais, com quem só falava via Internet (em geral Facebook, mas só o Anahuac sofre com isso).

Agora resta saber se conseguirei participar no ano que vem.

Data de criação:
Data de publicado:
Acessos: 8723

Nem só de discussões de licença, flamewares, releases de kernel e ativistas sapatênis vive o mundo do software livre.  Às vezes é envolto de mistério também.  Um dos enigmas recentes foi o sumiço da LinuxMall, loja virtual de produtos relacionados com o mundo de software livre e computação em geral.  Era a nossa thinkgeek brazuca.

Uma reclamação de falta de entrega aqui, outra ali, e de repente, o site ficou fora do ar.  Nenhuma explicação, nenhum comentário.  Nada.

Seus últimos posts são de 6 de dezembro de 2013 em sua página no Facebook, e 3 de julho de 2013 no Twitter.  Tentei o contato no telefone e... nada: número chamado não existe.  Possivelmente desativado.  

A LinuxMall, ou seu perfil, era uma figura bastante ativa no meio digital.  Sempre respondendo no twitter, pedindo likes no facebook, e compartilhando fotos no flicker.

O que aconteceu?

Como não existe nenhuma notícia ou comentário, eu acho (então é pura suposição minha) que era um empreendimento de um dono só.  Esse dono deve estar passando por algum problema, talvez doença, que não o possibilite voltar aos negócios. Se não foi algo pior, como um falecimento.

Sempre comprei na LinuxMall, de adesivos a canecas e camisetas.  É realmente uma pena que tenha acontecido algo e simplesmente tenha desaparecido.  Deixa um buraco numa comunidade sedenta por produtos com logotipos do pinguim ou do capetinha.  Perdemos um parceiro na nossa identidade geek.

Ao dono, ou donos, desejo melhoras e que um dia possam voltar aos negócios.

 

Data de criação:
Data de publicado:
Acessos: 4439

Já dizia Bezerra da Silva: malandro é malandro, mané é mané.

Na Internet não seria diferente.  Eis que chega em casa um boleto de cobrança de um domínio *parecido* com um que administro.  Achei um pouco estranho, pois em geral recebo notificação por mail, e do registro.br.  Claro que é mais um empresário brasileiro tentando dar uma de malandro.

 

A empresa RegistraCom envia um boleto, com um domínio parecido com o seu existente, com os dados da empresa em que foi registrado (e que nunca divulguei) tentando ganhar um registro .com do seu domínio.

O texto dentro do boleto diz o seguinte (os negritos vêm do boleto):

Notificação de registro do domínio: helioloureiro.com
Segue abaixo informações do Registro de domínio, por favor leia com atenção:
Domínio: helioloureiro.com
Titularidade: Empresa LTDA
Cnpj/Cpf: 00001110000000
Conforme nosso contato para atualização dos dados cadastrais, nossa área técnica identificou que o domínio helioloureiro.com (sob extensão .COM) encontra-se liberado para registro. Esta liberação pode ocorrer quando o pagamento não é realizado dentro do prazo, por disponibilidade efetiva de registro ou desinteresse na renovação.
Como indentificamos que Empresa LTDA já possui o mesmo nome helioloureiro.com.br (sob extensão .com.br), é importante que registre imediatamente o domínio (sob extensão .COM) evitando que um terceiro venha registrá-lo.
O valor do registro é de R$ 60,00 por um período de 1 ano.
Após identificarmos o seu pagamento o registro será realizado em um prazo máximo de até 48hs, incluindo a configuração de redirecionamento, ou seja, quando acessado helioloureiro.com o visitante será redirecionado para o site helioloureiro.com.br
Caso não haja interesse, o domínio helioloureiro.com continuará disponível e o mesmo poderá ser registrado por um terceiro a qualquer momento.

Se lido atentamente, é informado que o boleto é um "registro" do seu domínio .COM.  Claro que a intenção é isentar de qualquer acusação, afinal, foi informado o que era.  Mas é nítida a tentativa de golpe, tentando se passar por um registro de domínio legítimo.

Provavelmente quem registra seus próprios domínios, como eu, não cai nesse golpe.  Mas e empresas médias e grandes?  Em geral quem recebe tais boletos é o pessoal de controladoria/contabilidade.  Alguém duvida que o contador da empresa vai perceber essa sutil diferença?  Ou vai apenas pagar o valor, 60 reais, que é irrisório pra uma empresa média pra cima, e nem perceber quando o boleto verdadeiro chegar, e pagar novamente?  Então é claro que o boleto é golpe.

A empresa "RegistraCom", que aparece no whois como pertencente à empresa "WebVisão", ambos registrados pela mesma pessoa, já tem queixas no reclamar.  A resposta, claro, é a mais cara de pau possível.

http://www.reclameaqui.com.br/8647640/registra-com/registracom-tenta-enganar-usuarios-editado-pelo-reclame-aqui/

Esse tipo de golpe já apareceu outras vezes na lista do GTER, da empresa RegistraBrasil.  Mas como aqui é Brasil, terra da malandragem, eis que aparece outro gênio pra arrasar com os manés.

E depois reclamamos dos políticos.  Esses são realmente apenas um reflexo de seu povo.

E esse é o sistema de geração de boleto do registro.br.  Sem fraudes.

2017  helio.loureiro.eng.br   globbersthemes joomla templates