Os artigos mais lidos

Quarta, Janeiro 30, 2013 Helio Loureiro Blog 18906
XGH é uma das coisas mais genias que surgiu nos últimos tempos, descrevendo a estupidez que se aplica em métodos ágeis, mas que reflete bem o ambiente corporativo. Infelizmente o site foi abandonado...
Sábado, Maio 03, 2008 Helio Loureiro FreeBSD 16003
This article is kindly linked by: http://tuxmobil.org/hp_compaq.html http://tuxmobil.org/mobile_bsd.html Barely finished my last article about FreeBSD (PRERELEASE at that time) on Compaq laptops,...
Quarta, Junho 11, 2014 Helio Loureiro Blog 15830
Nem só de discussões de licença, flamewares, releases de kernel e ativistas sapatênis vive o mundo do software livre. Às vezes é envolto de mistério também. Um dos enigmas recentes foi o sumiço da...
Sexta, Maio 20, 2005 Helio Loureiro Python 15529
Esse é o script usado para autenticar automaticamente no Speedy da Telefonica (região de São Paulo). Evita que usuários residenciais, como eu, precisem estar em frente à máquina, permitindo que a...

Estive trabalhando nos últimos tempos em publicar as palestras do FISL no Youtube.  Por que fazer isso?  Bom... primeiramente pra atender um interesse próprio que é assistir os vídeos na minha SmartTV, que é Smart, roda Linux, mas não suporta o formato OGV disponibilizado no site do FISL (software livre é sobre coçar sua coceira, lembram?).  Publicando o conteúdo no Youtube continua OGV por trás, mas daí a TV aceita o format HMTL5 pra envio do stream do vídeo.

Mas isso não é tudo.  Publicando no Youtube um público que não sabe da existência do FISL vai ter acesso aos vídeos.  Tenho notado vários acessos de gente no exterior ao conteúdo em inglês.

E tudo é feito de forma automatizada.  Como cada FISL usou uma forma distinta de publicação, tenho usando um mesmo script modificado a cada edição do evento.  Eles estão armazenados na minha conta de Github.

https://github.com/helioloureiro/homemadescripts

No momento estão carregados os vídeos da última e penúltima edição do FISL, mas pretendo carregar o máximo possível dos eventos anteriores.  

O outro motivo, além da disponibilização dos vídeos em outra plataforma (mesmo não sendo software livre), é ter um acesso permanente aos vídeos.  No momento estão hospedados nas máquinas da ASL assim como um dia tivemos nossas listas de mails nos servidores da CIPSGA (Comitê de Incentivo à Produção de Software Gratuito e Alternativo).  Não sei se a ASL está no mesmo nível da CIPSGA, que usava máquinas na SERPRO se não estou enganado, e por uma falha de disco perderam todos os dados, mas por precaução melhor fazer a maior quantidade de cópias possíveis dos vídeos.

Essa é a idéia no momento.

Nota: eu vi que alguns vídeos estão sem alguns caractéres.  É alguma conversão de utf-8 que deu errado :(